Dia votivo de São João Calábria

No dia oito de cada mês lembramos a pessoa de São João Calábria.
Neste mês de maio, lembramos o que ele deixou escrito sobre a pessoa de Maria, a Mãe da Obra dos Pobres Servos da Divina Providência.


A Virgem Imaculada, Dona da Obra, nos obtenha aqueles auxílios espirituais e materiais de que temos necessidade e acolha os nossos votos, guarde os nossos propósitos, nos defenda dos nossos inimigos espirituais, nos proteja dos perigos, nos socorra em nossas necessidades, nos console no momento da nossa morte e nos leve para o santo Paraíso. (Carta de 1949)

Para grandes males, grandes remédios; e o Senhor, desta vez, nos chama ao redor da sua e nossa Mãe, Nossa Senhora Imaculada, para que nos esforcemos para imitar os seus fúlgidos exemplos, a fim de que vivamos o espírito de humildade, de amor e de obediência à divina vontade que Nossa Senhora nos deu em sua vida. O Senhor nos chama a espelhar-nos no modelo de pureza que é a nossa Mãe celestial, e sob sua direção, travemos guerra ao pecado, a todos os pecados, para manter a nossa alma linda e resplandecente como convém a verdadeiros filhos da Imaculada. 
Nossa Senhora Imaculada, celeste Dona da Casa, nos obtenha a graça de corresponder ao divino chamado e de “fazer aquilo que Jesus nos diz”, como exorta o Santo Padre, lembrando o episódio dos servos nas bodas de Caná. Felizes de nós, felizes de nós, no tempo e na eternidade! (Carta de 1954)
A própria Nossa Senhora, aparecendo em Fátima (...), assim como havia feito em Lourdes, exortou à penitência para propiciar a divina misericórdia sobre o mundo todo. (Carta de 1943).